Assaí

Postado dia 06/01/2015 às 05:55:07

Padre João Carlos faz ampliação de paróquia com fé, confiança e garra

Padre João Carlos reforma paróquia com fé, confiança e garra
Padre João Carlos reforma paróquia com fé, confiança e garra
ex-prefeito Tuti, padre João e Neusa Bomtempo
Padre João Carlos reforma paróquia com fé, confiança e garra

Depois de atuar por cinco anos em Assaí, o padre João Carlos dos Santos se mudou para Itapevi, na Grande São Paulo, em março de 2011.

À época de sua posse à frente da Paróquia Nossa Senhora Medianeira de Todas as Graças, ainda em 2011, padre João havia dito que sua prioridade é também investir em obras sociais naquela localidade

A solenidade de posse foi também acompanhada por católicos de Assaí, inclusive pelo então prefeito Michel Ângelo Tuti Bomtempo, primeira-dama Neusa Maria Varella Bomtempo, empresário Roberto Vendrametto e pelo vereador da época Paulo Cândido Monteiro.

Após mais de três quatro anos e meio depois, uma das principais obras do pároco João Carlos é a ampliação da Paróquia Medianeira, desafio esse que surpreendeu a muitos católicos daquela comunidade localizada no bairro Cardoso, em Itapevi.

A seguir o que diz Carlos di Vienna, ao comentar que "entre tantas virtudes de um homem chamado padre João Carlos dos Santos, quero destacar três":

"Primeira: a “FÉ”. Lembro-me do dia em que ele me disse que ia dar início às obras de ampliação da Paróquia Medianeira mesmo sem ter dinheiro, e preocupado, eu disse: “mas, padre...” e ele falou, com a maior calma deste mundo: “Deus dará um jeito”. E foi com grande alegria que fui vendo as portas se abrindo e a obra acontecendo. Percebi ali, que era a ação de Deus, retribuindo o esforço de um padre guerreiro.

Segunda virtude: a “CONFIANÇA”. Em nenhum momento Padre João Carlos se abateu ou desanimou, ao contrário, aperfeiçoava e aumentava ainda mais seu projeto com novas idéias para a obra. Em sua postura ficava nítida a certeza que ele tinha de que tudo daria certo, porque era para Deus e Deus estava ao seu lado.

Terceira virtude: a “GARRA”. Padre João Carlos não só administrava, mas também trabalhava. Ele era mestre de obras, pedreiro, ajudante e engenheiro. Com seu jeito cativante e exemplar de pôr a mão na massa, conseguiu recrutar um batalhão de pessoas que em mutirões fizeram a obra acontecer.

A obra foi finalizada, graças às bênçãos de Deus e a perseverança e determinação de um homem exemplar chamado Padre João Carlos dos Santos".


comente esta matéria »

Copyright © 2010 - 2016 | Revelia Eventos - Cornélio Procópio - PR
Desenvolvimento AbusarWeb.com.br