Norte do Paraná

Postado dia 26/01/2022 às 16:56:21

Rafael Greca questiona diferença de salários entre prefeitura e Câmara de Assaí

O vereador Rafael Gouveia Greca (PSD) resolveu abordar a questão dos "marajas" da Câmara Municipal de Assaí, que ganha bem mais que pessoal da prefeitura - que, além disso, trabalham bem mais.

O jovem edil considerou que tal disparidade - entre vencimentos de funcionários do Poder Executivo e Poder Legislativo, para o desempenho de semelhantes funções - afronta preceitos previstos na Constituição Federal, como o de igualdade. Ele também defendeu que os salários do funcionalismo municipal precisam ser reajustados, bem acima dos 10,16% concedidos nessa semana.

Contratados por meio de concurso público fraudulento realizado em 29 de marco de 2009, e após sucessivas manobras irregulares, vencimentos do advogado Luiz Guilherme Bachim dos Santos e da servidora lotada em cargo técnico-admininistrativo Rosângela Aparecida Alves chegam a R$ 10 mil mensais.

Durante sessão extraordinária da noite desta terça-feira (25), Rafael Greca destacou que servidores da Câmara Municipal chegam a ganhar inclusive mais que o vice-prefeito.

Conforme propostas de reajuste salarial apreciadas pelo Poder Legislativo nessa semana, majoração de 10,16% beneficiaria todos aqueles que recebem recursos do erário municipal. Com tal aumento, subsidios do prefeito passariam de para R$ 16.827,58 para R$ 18.537,26; do vice-prefeito, de R$ 8.413,79, para R$ 9.268,63; da presidente da Câmara, de R$ 8.051,89, para R$ 8.869,96; e dos vereadores, de R$ 6.193,75, para R$ 6.823,03.

Já com acréscimo de 10,16%, Luiz Guilherme e Rosângela Alves teriam então  salários de R$ 10.425,63 e R$ 11.456,71, respectivamente.

Confira o vídeo a seguir: 

PARA SABER MAIS:

Alessandro Torquato defende privilégios de 'marajás' da Câmara de Assaí

Populares reprovam reajuste salarial para vereadores de Assaí


comente esta matéria »

Copyright © 2010 - 2022 | Revelia Eventos - Cornélio Procópio - PR
Desenvolvimento AbusarWeb.com.br